Ar condicionado em ambientes com pessoas idosas

No Dia do Idoso, algumas considerações sobre os benefícios de um ambiente climatizado para a manutenção da saúde e para o bem estar da terceira idade.

Quinta, 01 de outubro de 2020


Nas altas temperaturas do verão os cuidados devem ser redobrados com idosos para evitar a desidratação. E, acredite, o ar-condicionado pode ter um papel fundamental para manter a saúde, por evitar a exposição a temperaturas extremas. De acordo com os médicos, como a temperatura corporal deve estar sempre em torno dos 36ºC, as células trabalham mais para regularizá-la sempre que há muito calor ou muito frio.

No verão é fundamental oferecer o máximo possível de conforto para idosos. Mesmo durante a noite, quando a temperatura já não está tão alta, o calor pode prejudicar a noite de sono, deixando-os irritadiços, cansados e até fazendo com que a imunidade baixe por causa do estresse gerado pela noite mal dormida. A qualidade do sono noturno é essencial para o equilíbrio do organismo e a reposição da energia gasta durante o dia.

Para amenizar o calor, o ar-condicionado é a melhor opção. No entanto, é muito importante que o vento gelado não esteja direcionado para cima do idoso para não ressecar as vias aéreas que causam coriza, tosse etc, e também para que o ambiente não fique gelado. Outro ponto fundamental é a garantia da qualidade do ar, por isso a dica é manter os filtros do ar condicionado sempre limpos e nunca deixar de realizar a manutenção preventiva periódica. Nos dias atuais, há diversos modelos de aparelhos de ar condicionado que chegam a eliminar até 99% das bactérias e impurezas do ar, inclusive com selo classe A de energia, atestando que o aparelho é bastante econômico.

Fonte: WebArCondicionado


voltar